Modelos CAD em PDF'S

A solução de uma adaptação de ficheiros de sistemas de CAD única, passa por uma padronização ISO dos modelos 3D.
Os conhecidos formatos IGES e STEP, são uns dos principais formatos de transferência em diferentes sistemas de CAD, no entanto cada sistema de CAD mediante a sua arquitectura própria, codifica estes ficheiros de forma diferente, pelo que a parametrização, tipo de material, o centro de massa do modelo 3D têm variações, que podem ser significativas.

Assim sendo, exportar modelos 3D de vários objectos complexos de sistemas de CAD é uma perícia, pois reside em como exportar, com o arranjar, usando as opções que o software, e o usuário do software lhe colocam, para ser mais exacto com a intenção de uso do dado ficheiro.
Mas em projectos de longo termo e colaborativos talvez tenha se tenha de reconhecer a vantagem de manter um formato único 3D (claro também manter o ficheiro original nativo), para manter a sobrevivência ao longo do tempo, pelo que as arquitecturas dos softwares vão se alterando, e se a pessoa ou empresa podem mudar de sistema de CAD, para no momento terem uma melhor performance, o que têm uma enorme perca de recursos e custos durante o período de transição.
Existe o caso dos ficheiros U3D, que facilmente podem ser colocado em PDF, que servem como catálogos, com instruções precisas sobre o dado produto. Podendo assim este tipo formato fácil circular com segurança do modelo CAD. Como índica a figura abaixo.
Podendo também ver no Post anterior aonde falo de modelos de CAD em PDF’s.
Enviar um comentário